domingo, 8 de novembro de 2009

Sonho misterioso

O sonho de Nabucodonosor

DANIEL 2.1-18
No segundo ano de Nabucodonosor como rei da Babilônia, ele teve uns sonhos que o deixaram tão preocupado, que não podia dormir. Então mandou chamar os sábios, os adivinhos, os feiticeiros e os astrólogos, para que eles explicassem os sonhos. Quando chegaram e se apresentaram diante do rei, ele lhes disse: - Tive um sonho que me deixou muito preocupado e não vou ficar sossegado enquanto não souber o que ele quer dizer. Eles disseram ao rei na língua aramaica: - Que o rei viva para sempre! Pedimos que o senhor nos conte o sonho e aí nós lhe diremos o que ele quer dizer. Mas o rei respondeu: - Eu já resolvi que vocês têm de me contar o sonho e também explicar o que ele quer dizer. Se não puderem fazer isso, vocês serão todos cortados em pedaços, e as suas casas serão completamente arrasadas. Mas, se me contarem o sonho e explicarem o que ele quer dizer, eu lhes darei presentes, prêmios e muitas honras. Portanto, digam o que foi que eu sonhei e o que o sonho quer dizer. E todos os sábios disseram de novo: - Conte o senhor o sonho, e aí nós lhe diremos o que ele quer dizer. Mas o rei insistiu: - Eu sei o que vocês estão fazendo. Estão é procurando ganhar tempo porque sabem que já resolvi que, se vocês não me contarem o sonho, vou dar a todos o mesmo castigo. Vocês já combinaram me enganar com mentiras e falsidades, esperando que a situação mude. Contem-me o sonho, e então eu saberei que também poderão explicar o que ele quer dizer. Os sábios deram ao rei esta resposta: - Não há ninguém no mundo que seja capaz de fazer o que o senhor quer. Nunca houve nenhum rei, por mais forte e poderoso que fosse, que tivesse exigido uma coisa dessas dos seus sábios, adivinhos ou astrólogos. O que o senhor está querendo é impossível. Não existe quem possa atender o seu pedido, a não ser os deuses, e eles não moram com a gente aqui na terra. O rei ficou tão furioso, que mandou matar todos os sábios da Babilônia. A ordem foi publicada, e então foram buscar Daniel e os seus companheiros para que eles também fossem mortos.
Daniel foi procurar Arioque, o chefe da guarda do rei, que tinha recebido ordem para matar todos os sábios da Babilônia. Com muito jeito e cuidado, Daniel perguntou a Arioque: - Por que foi que o rei deu uma ordem tão dura assim? Arioque explicou o que havia acontecido. Então Daniel foi falar com o rei, e este concordou em esperar, a fim de dar tempo a Daniel para explicar o sonho. Depois, Daniel foi para casa e contou tudo aos seus amigos Ananias, Misael e Azarias. Daniel disse que orassem ao Deus do céu, pedindo que tivesse pena deles e lhes mostrasse o que aquele sonho misterioso queria dizer, a fim de que Daniel e os seus amigos não morressem junto com os outros sábios da Babilônia.

fonte: SBB NTLH

Nenhum comentário: